NOTÍCIAS

  • Voltar a página anterior
  • Reduzir tamanho da fonte
  • Resetar tamanho da fonte
  • Ampliar tamanho da fonte
  • Imprimir esta página

Entidades reconhecem importância da eficiência energética estimulada pela Certel

08/06/2017

  • Everton (de pé) com hóspedes do Lar de Idosos Opa Haus

  • Roseli (e) com alunos e professora da Escola Leopoldo Klekper

  • Rosânela (e) com alunos e professora da Apae de Teutônia

O estímulo ao uso consciente da energia elétrica está sendo estendido a muitas entidades na área abrangida pela Certel. Através do Projeto de Eficiência Energética e em cumprimento ao que determina a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), a cooperativa está beneficiando 99 instituições, principalmente com a substituição de lâmpadas usadas por novas de tecnologia LED, muito mais luminosas, duradouras e eficientes.

Apae
Há 25 anos realizando um importante trabalho de socialização de crianças e adultos com necessidades especiais, a Apae de Teutônia é uma das entidades beneficiadas com a substituição de 101 lâmpadas. A instituição oferece variadas ações que beneficiam 150 pessoas, com foco na educação, saúde e assistência social, e a melhor iluminação possibilitada pelo Projeto de Eficiência Energética se torna uma aliada para a qualidade de seus serviços. “Como instituição filantrópica, receber um auxílio desses é fantástico, pois agora todas as salas estão mais iluminadas. Não conseguimos mais pensar como se trabalhava antes, pois hoje é muito mais claro e melhor”, assinala a pedagoga Rosângela Inês Roehrig, diretora da Apae.
Além da melhoria no aspecto da iluminação, ela observa a vantagem econômica do projeto, que incentiva o consumo racional de energia e, consequentemente, uma conta de energia mais barata. “Para uma instituição como a nossa, que depende de subvenções e doações, essa redução de custos é muito importante. Qualquer economia que fizermos permitirá investirmos em qualificação dos profissionais, aquisição de materiais e equipamentos para os alunos e ampliação da estrutura oferecida à comunidade.”

Leopoldo Klepker
Com 521 alunos matriculados nos turnos manhã, tarde e noite, a Escola Municipal de Ensino Fundamental Leopoldo Klepker, do Bairro Alesgut, em Teutônia, foi contemplada com a troca de 325 lâmpadas. Na ótica de Roseli Maria Hartmann, diretora do educandário, participar do projeto atende quatro vertentes que merecem atenção: iluminação mais ampla, redução do consumo de energia, conscientização e respeito ambiental. “Além da melhor luminosidade, agora mais focada nas classes dos alunos e professores, o que favorece a qualidade do aprendizado, teremos uma economia considerável de energia consumida. Isso vem ao encontro de uma postura que já era adotada na escola visando a redução de gastos”, acentua.
Roseli surpreendeu-se com os dados apresentados pelo projeto quanto à economia, visto que, em média, cada sala de aula beneficiada reduzirá R$ 300,00 em consumo de energia ao ano. “Além da escola, dos alunos e familiares, o projeto da cooperativa beneficia toda a comunidade, pois o próprio município gastará menos com a conta de energia, podendo direcionar recursos para outras necessidades. Penso que transformar a eficiência energética em conteúdo escolar é uma maneira de trabalhar a consciência coletiva da preocupação com o cuidado do planeta”, ressalta.

Opa Haus
Com 38 hóspedes, todos os ambientes climatizados e considerado uma referência estadual em termos de qualidade e conforto, o Lar de Idosos Opa Haus, de Teutônia, é outro beneficiado pelo projeto, com 61 lâmpadas substituídas. Segundo o gerente da casa, Everton Luiz de Almeida Severo, no que tange ao bem-estar, ao conforto e à segurança, a iluminação tem muito a ver com a qualidade de vida dos idosos. “Principalmente no inverno, com as noites mais compridas, ter um ambiente bem iluminado favorece a locomoção dos idosos. Os próprios funcionários da casa são beneficiados com a amplitude da iluminação”, avalia.
Everton destaca que, após a substituição das lâmpadas, a primeira sensação foi a claridade e o conforto mais acentuados no estabelecimento. “Se formos de ponta a ponta do lar, perceberemos a significativa melhora para enxergar, o que é importante até para evitar acidentes”, acrescenta.
O propósito educacional estimulado pelo projeto de eficiência energética também foi avaliado. Segundo Everton, todos que investirem em educação colherão os louros no futuro. Ele exemplifica com medidas fáceis que podem ser adotadas por qualquer pessoa. “Apagar a luz de ambientes desocupados ou tomar um banho mais rápido são atitudes simples que todos devemos ter. Se tivermos um povo educado e culto, que saiba o discernimento do que é certo ou errado, com cada um fazendo a sua parte, será muito mais fácil para incentivar toda a sociedade”, analisa.

Saiba mais
Das 99 instituições que integram a atual edição do Projeto de Eficiência Energética, 24, de Teutônia e Lajeado, já foram atendidas. Até o momento, 6.190 das 19.693 lâmpadas previstas pelo escopo já foram substituídas (Certel - 08/06)

 


Menu de notícias

  • Voltar a página anterior
  • Imprimir esta página
  • Voltar ao topo da página
  • ÚLTIMAS NOTÍCIAS
    Entidades reconhecem importância da eficiência energética estimulada pela Certel
    08/06/2017 - O estímulo ao uso consciente da energia elétrica está sendo estendido a muitas entidades ... Leia a matéria »

    Temporal atinge redes da Creral
    08/06/2017 - Os associados da Creral em Gramado dos Loureiros, Trindade do Sul e parte de Nonoai estão sem ... Leia a matéria »

    Certel é uma das homenageadas pelo Prêmio Destaque 2016
    02/06/2017 - Empresários e produtores rurais de Teutônia receberam, no dia 24 de maio, os troféus de Prêmio Destaque 2016 ... Leia a matéria »

  • QUADRO ESTATÍSTICO
  • FILIADAS FECOERGS
  • ENTRE EM CONTATO